sábado, 11 de junho de 2011

; amo-te


Uma noite olhei para o céu e comecei a dar a cada estrela uma razão pela qual te quero tanto.
Faltaram-me estrelas...

Sem comentários:

Enviar um comentário